.

Empresa: Câmara Ítalo-Brasileira de Comércio, Indústria e Agricultura de Minas Gerais

Endereço: Rua Piauí, 2019 - Funcionários, Belo Horizonte-MG

Telefone: +55 31 3287-2212

Site: www.italiabrasil.com.br





Entrevista com Miguel Corrêa, Secretário Estadual de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior


"Através da inovação será possível buscar avanços bem como produzir o conhecimento em Minas Gerais"

Miguel Corrêa, atual secretário estadual de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, acredita que através da inovação será possível buscar avanços bem como produzir o conhecimento em Minas Gerais. Além disso, ele focará em sua gestão como uma das áreas prioritárias o investimento na educação.

Vereador de Belo Horizonte em 2004, elegeu-se por dois mandatos como Deputado Estadual em 2010 e em 2014. Formado em História, pela UNI-BH, é presidente municipal do Partido dos Trabalhadores (PT) e em 2015 tomou posse como Secretário de Estado a convite do governador Fernando Pimentel.

1.    Qual é o panorama da tecnologia hoje em Minas Gerais?

Minas Gerais possui um papel importante no cenário nacional, mas acredito que ainda há muito que ser explorado e que podemos muito mais. Temos que crescer no cenário nacional, mas é necessário ampliar também a atuação interna. Um Estado tão rico e diversificado precisa acreditar mais no seu potencial e na sua gente. Para que possamos avançar precisamos entender as demandas de cada região, ouvir as pessoas e, somente após esta etapa, traçar ações que tragam o progresso para nosso Estado.

2.    Quais são as áreas prioritárias que terão mais atenção em sua gestão?

Buscar a inovação, desenvolvendo pesquisas e firmando parcerias, dar maior competitividade para o que é produzido na Secretaria e, acima de tudo, produzir conhecimento. Investir na educação. Acredito que este é o caminho para que tenhamos êxito na gestão. 

3.    Para o senhor qual o significado da palavra inovação e como ela pode ser aplicada nas organizações públicas e privadas?

Inovação é um dos grandes desafios e o tema precisa ser encarado com responsabilidade. Inovar é acreditar que podemos melhorar e buscar algo que traga melhorias na vida das pessoas. Pensando um pouco de maneira mercadológica, é gerar competitividade e valor nos produtos que produzimos. É pensar grande, mas com responsabilidade. No caso da administração pública, é preciso respeitar a lei. Por isso, é importante investir em temas que, verdadeiramente, poderão trazer algum retorno, sem que haja desperdício de dinheiro. Através da inovação poderemos buscar avanços nas mais diversas áreas. Buscar e produzir o conhecimento. Sobre a inovação nas organizações privadas, acredito que o modelo é bastante parecido com o público, já que o objetivo é a busca pelo conhecimento. Um ponto importante neste caso é a possibilidade de desenvolver ações contando com o conhecimento tanto das organizações públicas quanto privadas. Este é o objetivo aqui na Secretaria: ouvir, trabalhar e avançar!

4.    De que maneira as instituições públicas estaduais podem contribuir para a inovação no Estado?

Como eu disse, ter responsabilidade com a coisa pública é o primeiro passo. Todas as áreas precisam de investimentos e a inovação não é diferente. As instituições públicas possuem um papel fundamental neste processo. Por isso elas precisam sempre oferecer um serviço de qualidade, seja ele qual for. Investir na educação, na formação de jovens e adultos. Nossa missão não envolve apenas a inovação, mas também a ciência, a tecnologia e o ensino superior, visando ao desenvolvimento sustentável e a melhoria da qualidade de vida em Minas Gerais. É um grande campo de atuação, onde temos a certeza que podemos buscar mais. 

Todos os nossos eventos





Outras Notícias



La Camera di Commercio Italiana di Minas Gerais è un'associazione senza scopo di lucro che dal 1995 svolge la missione di promuovere e rafforzare i legami istituzionali e commerciali tra Italia e Brasile. Nel 1998 è stata riconosciuta dal Governo Italiano e da allora fa parte dell'Associazione delle Camere di Commercio Italiane all'Estero, ASSOCAMERESTERO, che a sua volta fa parte UNIONCAMERE (Unione delle Camere di Commercio in Italia).


Per realizzare la sua missione, la Camera distribuisce le proprie attività su due fronti: la prima a servizio delle imprese e la seconda a livello istituzionale.


Nell’ambito dell´assistenza alle imprese, la Camera agisce come un ponte strategico tra le imprese italiane che già hanno oppure cercano rapporti commerciali in Brasile, e per imprese brasiliane interessate al mercato Italiano, offrendo a queste servizi personalizzati per soddisfare le loro esigenze.


Tra i principali servizi resi, si evidenziano seguenti:
- Ricerca partner commerciale e/o produttivo (joint-venture);
- Elaborazione mailing list di importatori/esportatori, grossisti, distributori o rappresentanti etc;
- Ricerca economica preliminare (analisi della concorrenza, prezzi di mercato, canali di sbocco etc);
- Informazioni sulle tariffe doganali per l´importazione in Brasile e le eventuali barriere;
- Ausilio per finanziamento presso le banche locali;
- Ausilio per identificazione di incentivi finanziari e fiscali per la creazione e costituzione di società in Brasile;
- Elaborazione analisi di fattibilità economica per l’importazinoe in Brasile di impianti italiani;
- Elaborazione ed aggiornamento costante di una Guida su Come Investire in Brasile Step by Step;
- Marketing istituzionale e di opportunità d´affari;
- Assistenza nelle relazioni istituzionali e/o commerciali quale ponte tra il mercato e le istituzioni brasiliane e le imprese/istituzioni italiane interessate al mercato brasiliano;
- Gestione di missioni commerciali;
- Organizzazione di agende d´incontri;
- Realizzazione di seminari tematici;
- Partecipazione a progetti istituzionali ed altri.


Verificate il catalogo dei servizi camerali


A livello istituzionale, la Camera agisce come facilitatore delle relazioni bilaterali tra Italia e Brasile, incoraggiando lo scambio di esperienze tra le istituzioni in diversi settori economici. A tal fine, stabilisce importanti partnership con le istituzioni governative brasiliane e italiane, formando una solida rete di collaborazione. Nel suo network figurano il Governo di Minas Gerais, l'Ambasciata d'Italia in Brasile, il Consolato d'Italia a Belo Horizonte, le Segreterie di Stato per lo Sviluppo Economico, Scienza e Tecnologia ed Agricultura, l’Istituto per lo Sviluppo Integrato di Minas Gerais (INDI), il Centro Tecnologico di Minas Gerais (CETEC), la Banca Regionale (BDMG), tra molti altri.



Per saperne di più sui servizi resi dalla Camera di Commercio Italiana in Minas Gerais, non esitate a contattarci:


+55 (31) 3287-2211 - info@italiabrasil.com.br