.

Empresa: Câmara Ítalo-Brasileira de Comércio, Indústria e Agricultura de Minas Gerais

Endereço: Rua Piauí, 2019 - Funcionários, Belo Horizonte-MG

Telefone: +55 31 3287-2212

Site: www.italiabrasil.com.br





22 de Março: Dia Mundial da Água


No ano da Cooperação pela Água, o aumento da demanda e a contaminação do recurso preocupam. Conheça empresas que estão fazendo a sua parte pela preservação do meio ambiente.

Durante a Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento, conhecida como Rio-92, o dia 22 de março foi estipulado por recomendação da ONU como o Dia Mundial da Água. Desde então, estabelece-se um tema por ano, com o objetivo de difundir e debater os problemas relacionados aos recursos hídricos. Em 2013, a temática é a “Cooperação pela Água”.

O tema não é abordado somente no dia de hoje, mas trabalhado durante todo o ano com o intuito de conscientizar a população mundial em relação aos desafios de gerenciamento da água disponível no planeta e a necessidade de um esforço global para enfrentar o problema, visto que a água é um recurso natural comum.

Segundo o Secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, daqui a 17 anos, a demanda por água vai superar a oferta em 40%. Diante das mudanças climáticas e das necessidades das populações que vem crescendo e se desenvolvendo, os governos precisam trabalhar juntos para proteger essa fonte de vida.

Em entrevista a Rádio ONU, de São Paulo, o Presidente do Conselho Mundial da Água, Benedito Braga, disse: "Nós temos que ter essa visão integrada que a água é um elo de ligação de diferentes setores da economia, da energia, da agricultura e do transporte. E ela tem uma ligação muito importante com a saúde, através do saneamento. Eu esperaria que os governantes entendessem claramente a importância de cuidar da água."

Exemplos a serem seguidos

Em Minas Gerais, micro e pequenas empresas estão se empenhando na preservação do ambiente e têm conseguido com isso até a redução de custos. De acordo com dados do Instituto Trata Brasil, uma redução de 10% nos desperdícios de água no Brasil representaria uma receita de R$1,3 bilhão, quase a metade do investimento feito em abastecimento de água em 2010.

A empresária Arlene Santana Moreira é dona do restaurante self-service Doce Sabor, em Belo Horizonte, e depois de uma consultoria do Projeto 5 Menos que são Mais, mudou muita coisa em seu estabelecimento. A ação feita em 11 bares e restaurantes da capital pelo Sebrae Minas tem a proposta de reduzir o desperdício gerando aumento da competitividade das empresas, através do consumo consciente.

Para diminuir o desperdício de produtos de limpeza e água, uma das ações adotadas por Arlete é mergulhar os pratos, por 10 minutos antes de lavá-los, em uma solução com 20 litros de água, uma colher de cloro e uma de detergente. Assim é mais fácil limpá-los e ajuda muito na economia de água.

Na Fazenda Jatobá, em Patrocínio, no Triângulo Mineiro, os resíduos orgânicos da produção do café, como a palha, junto com restos da produção de verduras e legumes das fazendas vizinhas, bagaço de cana e até mesmo grama, são coletados e transformados, pelo processo de compostagem, em adubo. "O acumulo da palha de café no solo pode causar uma contaminação no lençol freático devido à alta concentração de nitrato. Resolvemos um problema que tínhamos e ainda reduzimos pela metade os custos com a compra de fertilizantes. Por ações assim, esta fazenda foi uma das vencedoras do Prêmio Sebrae Minas de Sustentabilidade em 2012.

 

Fontes: Portal Terra, em.com e Rádio ONU

 

 

Todos os nossos eventos





Outras Notícias



La Camera di Commercio Italiana di Minas Gerais è un'associazione senza scopo di lucro che dal 1995 svolge la missione di promuovere e rafforzare i legami istituzionali e commerciali tra Italia e Brasile. Nel 1998 è stata riconosciuta dal Governo Italiano e da allora fa parte dell'Associazione delle Camere di Commercio Italiane all'Estero, ASSOCAMERESTERO, che a sua volta fa parte UNIONCAMERE (Unione delle Camere di Commercio in Italia).


Per realizzare la sua missione, la Camera distribuisce le proprie attività su due fronti: la prima a servizio delle imprese e la seconda a livello istituzionale.


Nell’ambito dell´assistenza alle imprese, la Camera agisce come un ponte strategico tra le imprese italiane che già hanno oppure cercano rapporti commerciali in Brasile, e per imprese brasiliane interessate al mercato Italiano, offrendo a queste servizi personalizzati per soddisfare le loro esigenze.


Tra i principali servizi resi, si evidenziano seguenti:
- Ricerca partner commerciale e/o produttivo (joint-venture);
- Elaborazione mailing list di importatori/esportatori, grossisti, distributori o rappresentanti etc;
- Ricerca economica preliminare (analisi della concorrenza, prezzi di mercato, canali di sbocco etc);
- Informazioni sulle tariffe doganali per l´importazione in Brasile e le eventuali barriere;
- Ausilio per finanziamento presso le banche locali;
- Ausilio per identificazione di incentivi finanziari e fiscali per la creazione e costituzione di società in Brasile;
- Elaborazione analisi di fattibilità economica per l’importazinoe in Brasile di impianti italiani;
- Elaborazione ed aggiornamento costante di una Guida su Come Investire in Brasile Step by Step;
- Marketing istituzionale e di opportunità d´affari;
- Assistenza nelle relazioni istituzionali e/o commerciali quale ponte tra il mercato e le istituzioni brasiliane e le imprese/istituzioni italiane interessate al mercato brasiliano;
- Gestione di missioni commerciali;
- Organizzazione di agende d´incontri;
- Realizzazione di seminari tematici;
- Partecipazione a progetti istituzionali ed altri.


Verificate il catalogo dei servizi camerali


A livello istituzionale, la Camera agisce come facilitatore delle relazioni bilaterali tra Italia e Brasile, incoraggiando lo scambio di esperienze tra le istituzioni in diversi settori economici. A tal fine, stabilisce importanti partnership con le istituzioni governative brasiliane e italiane, formando una solida rete di collaborazione. Nel suo network figurano il Governo di Minas Gerais, l'Ambasciata d'Italia in Brasile, il Consolato d'Italia a Belo Horizonte, le Segreterie di Stato per lo Sviluppo Economico, Scienza e Tecnologia ed Agricultura, l’Istituto per lo Sviluppo Integrato di Minas Gerais (INDI), il Centro Tecnologico di Minas Gerais (CETEC), la Banca Regionale (BDMG), tra molti altri.



Per saperne di più sui servizi resi dalla Camera di Commercio Italiana in Minas Gerais, non esitate a contattarci:


+55 (31) 3287-2211 - info@italiabrasil.com.br