.

Empresa: Câmara Ítalo-Brasileira de Comércio, Indústria e Agricultura de Minas Gerais

Endereço: Rua Piauí, 2019 - Funcionários, Belo Horizonte-MG

Telefone: +55 31 3287-2212

Site: www.italiabrasil.com.br





Robson Braga de Andrade concedeu entrevista exclusiva para a Câmara Ítalo-Brasileira de Comércio de Minas Gerais


Ele é presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI).

Como foi sua trajetória profissional até chegar a ser o presidente da CNI?

As atividades de representatividade empresarial sempre estiveram presentes no meu dia a dia. Sou engenheiro mecânico formado pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), e há 39 anos, presido a Orteng Equipamentos e Sistemas Ltda, uma empresa com sede em Contagem, Minas Gerais, que produz equipamentos para os segmentos de energia, petróleo, gás, mineração, siderurgia, saneamento, telecomunicações e transportes. Antes de ser eleito presidente da CNI,  fui presidente da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (FIEMG) por dois mandatos (2002 a 2010). Neste período, também exerci as funções de segundo vice-presidente da CNI e presidi os conselhos temáticos de Meio Ambiente e de Assuntos Legislativos da entidade. 

Como a conjuntura mundial vem afetando a indústria brasileira?

A economia mundial está se reanimando lentamente. As baixas  taxas de crescimento e as dificuldades enfrentadas pelos países que mantêm relações comerciais com o Brasil, especialmente os Estados Unidos, os países europeus e os integrantes dos BRICS afetam o desempenho da indústria brasileira. Nos primeiros seis meses deste ano, por exemplo, a parcela dos manufaturados no total das exportações brasileiras atingiu o menor percentual desde 1980. A indústria brasileira vem perdendo força e está praticamente estagnada desde 2010 e isso prejudica o desempenho da economia brasileira como um todo. Neste ano, Brasil, Argentina e Venezuela são os países que estão puxando para baixo os índices de crescimento da América Latina, segundo relatório do Banco Mundial sobre a região divulgado este mês em Washington. Além das dificuldades externas, a indústria  enfrenta uma série de entraves internos, como a falta de infraestrutura,  a elevada carga tributária e a falta de segurança jurídica. Nossa expectativa é que o governo que tomará posse em janeiro do próximo ano adote as medidas necessárias para remover os obstáculos que tiram a competitividade das nossas empresas. 

Qual a importância da inovação para a indústria no Brasil?

A capacidade das empresas inovarem é fundamental para acelerar o desenvolvimento econômico e social do Brasil. A inovação é imprescindível para as empresas competirem nos mercados globais, gerando empregos de qualidade, fortalecendo as indústrias e melhorando a qualidade de vida. Para termos sucesso e prosperidade, hoje e no futuro, é fundamental que os setores industrial e público trabalhem de maneira conjunta e coordenada para fortalecer a estratégia de inovação no país.  

Qual seria o papel da Itália no processo de internacionalização da indústria nacional?

A Itália pode ter papel muito importante no processo de internacionalização da indústria brasileira pois é um país com grande experiência de exportação de pequenas e médias empresas, principalmente, via consórcios de exportação. Aproveitando as vocações da indústria italiana, a CNI tem desenvolvido várias iniciativas com foco nas trocas comerciais e cooperação tecnológica com a indústria daquele país. Apenas este ano, a CNI, em cooperação com as federações, realizou 4 missões empresariais para a Itália nos setores de cosméticos, moda, calçados e tecnologias associadas. Participaram destas iniciativas um total de 152 empresas de pequeno e médio portes com uma geração de negócios e investimentos estimada em US$ 13 milhões.

Todos os nossos eventos





Outras Notícias



La Camera di Commercio Italiana di Minas Gerais è un'associazione senza scopo di lucro che dal 1995 svolge la missione di promuovere e rafforzare i legami istituzionali e commerciali tra Italia e Brasile. Nel 1998 è stata riconosciuta dal Governo Italiano e da allora fa parte dell'Associazione delle Camere di Commercio Italiane all'Estero, ASSOCAMERESTERO, che a sua volta fa parte UNIONCAMERE (Unione delle Camere di Commercio in Italia).


Per realizzare la sua missione, la Camera distribuisce le proprie attività su due fronti: la prima a servizio delle imprese e la seconda a livello istituzionale.


Nell’ambito dell´assistenza alle imprese, la Camera agisce come un ponte strategico tra le imprese italiane che già hanno oppure cercano rapporti commerciali in Brasile, e per imprese brasiliane interessate al mercato Italiano, offrendo a queste servizi personalizzati per soddisfare le loro esigenze.


Tra i principali servizi resi, si evidenziano seguenti:
- Ricerca partner commerciale e/o produttivo (joint-venture);
- Elaborazione mailing list di importatori/esportatori, grossisti, distributori o rappresentanti etc;
- Ricerca economica preliminare (analisi della concorrenza, prezzi di mercato, canali di sbocco etc);
- Informazioni sulle tariffe doganali per l´importazione in Brasile e le eventuali barriere;
- Ausilio per finanziamento presso le banche locali;
- Ausilio per identificazione di incentivi finanziari e fiscali per la creazione e costituzione di società in Brasile;
- Elaborazione analisi di fattibilità economica per l’importazinoe in Brasile di impianti italiani;
- Elaborazione ed aggiornamento costante di una Guida su Come Investire in Brasile Step by Step;
- Marketing istituzionale e di opportunità d´affari;
- Assistenza nelle relazioni istituzionali e/o commerciali quale ponte tra il mercato e le istituzioni brasiliane e le imprese/istituzioni italiane interessate al mercato brasiliano;
- Gestione di missioni commerciali;
- Organizzazione di agende d´incontri;
- Realizzazione di seminari tematici;
- Partecipazione a progetti istituzionali ed altri.


Verificate il catalogo dei servizi camerali


A livello istituzionale, la Camera agisce come facilitatore delle relazioni bilaterali tra Italia e Brasile, incoraggiando lo scambio di esperienze tra le istituzioni in diversi settori economici. A tal fine, stabilisce importanti partnership con le istituzioni governative brasiliane e italiane, formando una solida rete di collaborazione. Nel suo network figurano il Governo di Minas Gerais, l'Ambasciata d'Italia in Brasile, il Consolato d'Italia a Belo Horizonte, le Segreterie di Stato per lo Sviluppo Economico, Scienza e Tecnologia ed Agricultura, l’Istituto per lo Sviluppo Integrato di Minas Gerais (INDI), il Centro Tecnologico di Minas Gerais (CETEC), la Banca Regionale (BDMG), tra molti altri.



Per saperne di più sui servizi resi dalla Camera di Commercio Italiana in Minas Gerais, non esitate a contattarci:


+55 (31) 3287-2211 - info@italiabrasil.com.br