.

Empresa: Câmara Ítalo-Brasileira de Comércio, Indústria e Agricultura de Minas Gerais

Endereço: Rua Piauí, 2019 - Funcionários, Belo Horizonte-MG

Telefone: +55 31 3287-2212

Site: www.italiabrasil.com.br





Entrevista :: Sávio Gregório e Paulo Barbosa, sócios da Glaciê Ice Cream House


Empresários integraram a missão da Câmara à Sigep 2018

31/01/18

Bisneto de italianos e apaixonado pela Itália, o mineiro Sávio Gregório é administrador e especialista em Coaching e Finanças Comportamentais pela Fundação Dom Cabral. Aos 28 anos, é sócio da Indústria de Sorvetes Glaciê e da franqueadora Glaciê Ice Cream House, esta última em parceria com o empresário mineiro Paulo Barbosa, 30, que é engenheiro civil e especialista em Liderança Coaching pela ID Singular. Em entrevista ao Italia Affari, eles compartilham suas visões de negócios e um pouco da experiência em participar da Sigep 2018, em Rimini, na Itália.

1 – De origem italiana, como a Glaciê preserva as tradições familiares e como elas se tornaram um diferencial competitivo?

Sávio Gregório: por sermos de descendência italiana, a cultura na fabricação de gelatos faz parte da história da minha família. Meus bisavós, por parte de pai, eram italianos e minha bisavó Sara Senni foi uma das primeiras mulheres empreendedoras da minha região, produzindo por mais de 30 anos deliciosos pães em sua padaria que se chamava Santo Antônio. Desde meados de 1947, meu tio-avô Wilson iniciou a produção de sorvetes na minha cidade em Cláudio, no interior de Minas. Meu pai, ainda na adolescência, chegou a trabalhar com meu tio-avô em sua sorveteria nos anos 60, até que, em 1978, foi fundada a Glaciê Sorvetes.

Estamos completando 40 anos em 2018 e com toda essa tradição em qualidade, temos a obrigação de produzir excelentes sorvetes e gelatos. Temos receitas exclusivas desenvolvidas com muito empenho e dedicação ao longo de décadas. Muito amor e carinho pelo que fazemos. Toda essa atmosfera e cultura organizacional traduzem nosso diferencial competitivo.

Paulo Barbosa: por acreditar no conhecimento e seriedade dessa família, me tornei sócio do Sávio no final de 2015 e criamos o modelo de franquia Glaciê Ice Cream House. O diferencial competitivo da Glaciê está no conhecimento aprofundado do sistema de produção e na escolha de bons fornecedores.

2 – O gelato vem caindo, cada vez mais, no gosto do brasileiro. Quais os diferenciais desse produto e os desafios em produzi-lo?

Paulo Barbosa: os diferenciais do sorvete premium e dos gelatos estão na fabricação e escolha da melhor matéria-prima, para conseguir um produto final de extrema qualidade. Os desafios são cada vez maiores, principalmente no custo da matéria prima. Com isso, estamos sempre buscando novidades para poder levar ao consumidor final um produto de qualidade superior.

Sávio Gregório: normalmente, os gelatos ou sorvetes premium tipo italiano possuem uma calda nobre, excelente cremosidade e são produzidos com matérias-primas selecionadas. O principal desafio é que na Itália existe uma oferta muito grande de fornecedores de matérias-primas de sorvetes e gelatos, por um custo bem mais acessível.

3 – É a primeira vez que participa de feiras do setor, seja no Brasil ou no exterior? Quais atrativos levaram a participar da Sigep?

Sávio Gregório: visito todos os anos a Fispal, em São Paulo, porém a participação de feira no exterior foi a primeira vez. Em 2011 visitei a Itália. Toda cultura e diversidade gastronômica de extrema qualidade me encantaram. Desde então, venho tentando acompanhar, mesmo à distância, as novidades e lançamentos do mercado italiano, principalmente com o apoio de nossos principais fornecedores que são italianos. A Sigep é a melhor e maior feira do mundo do setor. Nossa participação só foi possível pelo apoio recebido da Camara Ítalo-Brasileira de Comércio, que nos proporcionou todo suporte para participação no evento.

Paulo Barbosa: no exterior foi a primeira vez. No Brasil costumo ir à Fispal. O principal atrativo para participar da Sigep foi por se tratar da principal feira de gelatos do mundo. Sendo assim, ficamos sabendo de tudo que acontece não só em nosso País e aproveitamos para encontrar com os principais fornecedores da Glaciê Sorvetes. Com o apoio dado pela Câmara Ítalo-Brasileira de Comércio, a realização de ir a Sigep foi muito válida e construtiva, pois tivemos um acompanhamento de primeira.

4 – Qual o balanço da participação na Sigep?

Sávio Gregório: muito positivo e com excelentes possibilidades para 2018 e anos subsequentes. Novos insights para evoluirmos nosso negócio e nos tornarmos cada vez mais competitivos.

Paulo Barbosa: positivo. Inovador. Rede de contatos. Tudo isso resumirá em investimento imediato nas ideias que surgiram a partir da feira. Linhas de produtos e diferentes itens a serem colocados em nossas lojas.

5 – O que o mercado brasileiro de sorvete e gelato pode aprender com a Itália?

Sávio Gregório: produzir com amor e carinho resulta em qualidade! Fazer o melhor sempre!

Paulo Barbosa: sem dúvidas, é ser o melhor em tudo que se pega para fazer. Trabalhar com paixão e excelência.

6 – Durante a feira, quais as novidades apresentadas mais chamou a atenção?

Sávio Gregório: sobretudo, a diversidade de fornecedores de matérias-primas de qualidade em vários segmentos, dentro da alimentação, incluindo cafeteria, padaria, confeitaria e chocolateria.

Paulo Barbosa: variedade de fornecedores na linha de sorvetes e gelatos. Modelos inovadores de máquinas de café.

7 – De volta ao Brasil, quais as expectativas de negócio em decorrência da participação na Sigep?

Sávio Gregório: as expectativas são excelentes! Conseguimos novos fornecedores e nos aproximamos, ainda mais, de alguns que já éramos clientes! Meu sócio, Paulo Barbosa, e eu participamos de uma reunião assim que pisamos no Brasil. Estamos finalizando o processo de formatação do nosso modelo de franquia. A previsão é que á partir de 1º de maio deste ano já teremos todos os processos ajustados para venda. São anos de desenvolvimento do modelo de negócio, com lojas próprias, muitos testes e ajustes, para disponibilizarmos aos nossos franqueados um modelo maduro, único e rentável. Nosso modelo agrega também, além dos sorvetes, cafeteria, boleria, açaí, sobremesas especiais com sorvete, em um ambiente único e produtos exclusivos. Como diriam “adeus” os italianos: “arrivederci” para a Sigep de 2018. Esperamos retornar em 2019! Grazie!

Paulo Barbosa: as expectativas são as melhores possíveis. Visto que o Brasil tem um mercado muito grande a ser explorado. Meu sócio, Sávio Gregório, e eu participamos de uma reunião assim que chegamos ao Brasil. Há muitos anos estamos desenvolvendo o modelo de negócio da Glaciê Ice Cream House, com lojas próprias, fazendo muitos testes, observando os mínimos detalhes e ajustando para disponibilizarmos aos nossos franqueados um modelo de sucesso, testado e lucrativo. Eles levarão uma experiência de consumo realizadora por onde passar. Com um modelo bem completo, a franquia Glaciê conta com a linha de sorvetes premium, café especial 100% arábica, sobremesas, bolos, milk shakes, coffee shakes, dentre diversos itens que fazemos com a junção do sorvete com o café.

 

Todos os nossos eventos





Outras Notícias



La Camera di Commercio Italiana di Minas Gerais è un'associazione senza scopo di lucro che dal 1995 svolge la missione di promuovere e rafforzare i legami istituzionali e commerciali tra Italia e Brasile. Nel 1998 è stata riconosciuta dal Governo Italiano e da allora fa parte dell'Associazione delle Camere di Commercio Italiane all'Estero, ASSOCAMERESTERO, che a sua volta fa parte UNIONCAMERE (Unione delle Camere di Commercio in Italia).


Per realizzare la sua missione, la Camera distribuisce le proprie attività su due fronti: la prima a servizio delle imprese e la seconda a livello istituzionale.


Nell’ambito dell´assistenza alle imprese, la Camera agisce come un ponte strategico tra le imprese italiane che già hanno oppure cercano rapporti commerciali in Brasile, e per imprese brasiliane interessate al mercato Italiano, offrendo a queste servizi personalizzati per soddisfare le loro esigenze.


Tra i principali servizi resi, si evidenziano seguenti:
- Ricerca partner commerciale e/o produttivo (joint-venture);
- Elaborazione mailing list di importatori/esportatori, grossisti, distributori o rappresentanti etc;
- Ricerca economica preliminare (analisi della concorrenza, prezzi di mercato, canali di sbocco etc);
- Informazioni sulle tariffe doganali per l´importazione in Brasile e le eventuali barriere;
- Ausilio per finanziamento presso le banche locali;
- Ausilio per identificazione di incentivi finanziari e fiscali per la creazione e costituzione di società in Brasile;
- Elaborazione analisi di fattibilità economica per l’importazinoe in Brasile di impianti italiani;
- Elaborazione ed aggiornamento costante di una Guida su Come Investire in Brasile Step by Step;
- Marketing istituzionale e di opportunità d´affari;
- Assistenza nelle relazioni istituzionali e/o commerciali quale ponte tra il mercato e le istituzioni brasiliane e le imprese/istituzioni italiane interessate al mercato brasiliano;
- Gestione di missioni commerciali;
- Organizzazione di agende d´incontri;
- Realizzazione di seminari tematici;
- Partecipazione a progetti istituzionali ed altri.


Verificate il catalogo dei servizi camerali


A livello istituzionale, la Camera agisce come facilitatore delle relazioni bilaterali tra Italia e Brasile, incoraggiando lo scambio di esperienze tra le istituzioni in diversi settori economici. A tal fine, stabilisce importanti partnership con le istituzioni governative brasiliane e italiane, formando una solida rete di collaborazione. Nel suo network figurano il Governo di Minas Gerais, l'Ambasciata d'Italia in Brasile, il Consolato d'Italia a Belo Horizonte, le Segreterie di Stato per lo Sviluppo Economico, Scienza e Tecnologia ed Agricultura, l’Istituto per lo Sviluppo Integrato di Minas Gerais (INDI), il Centro Tecnologico di Minas Gerais (CETEC), la Banca Regionale (BDMG), tra molti altri.



Per saperne di più sui servizi resi dalla Camera di Commercio Italiana in Minas Gerais, non esitate a contattarci:


+55 (31) 3287-2211 - info@italiabrasil.com.br